jusbrasil.com.br
31 de Maio de 2020

Trabalho Intermitente: já conhece a carteira digital?

TIO Digital
Publicado por TIO Digital
há 4 meses

A carteira digital é uma excelente opção para o empregado e empregador pois, elimina o volume de documentos que a empresa precisa manipular e minimiza chances de perda de dados, roubo e extravio e pode ser muito bem aplicada nos contratos intermitentes.

Mas o que já se sabe sobre essa novidade? Continue lendo e saiba tudo sobre o assunto!

O que é a carteira de trabalho digital?

A carteira de trabalho digital, é um espelho da carteira de trabalho física, aquela que já conhecemos. A grande questão entorno disso é que elimina burocracias de assinatura e otimiza processos no preenchimento.

A empresa que deseja utilizar esse modelo para contratação e gestão de seus funcionários, precisa primeiramente estar cadastrada no eSocial.

O trabalhador pode acessar a plataforma do Ministério do Trabalho ou baixar o aplicativo no celular e iniciar o processo de cadastro informando:

  • dados pessoais: nome, CPF, data de nascimento, nome da mãe, Estado de origem;
  • o passo seguinte é responder questões sobre a trajetória profissional, são ao todo 5 perguntas; por último
  • receber e redefinir a senha de acesso.

Após esse processo o funcionário terá sua carteira de trabalho digital funcionando. Nela contará os mesmos dados que constam na carteira física:

  • informações da empresa;
  • detalhes do contrato de trabalho;
  • valor do salário;
  • férias; e
  • FGTS.

Quais as vantagens no modelo de contrato intermitente?

Como sabemos, o modelo de contrato intermitente funciona basicamente com a característica de que a empresa solicita trabalhadores conforme a sua necessidade e pode mantê-los em período de inatividade sempre que necessário.

Desta forma, a empresa pode lidar com um grande número de funcionários durante o mesmo período, a carteira digital seria uma válida opção para lidar com menos documentos e diminuir chances de preenchimento incorreto.

Gostou do artigo? Entra lá no Blog do TIO e confira outras novidades sobre o trabalho intermitente.

0 Comentários

Faça um comentário construtivo para esse documento.

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)